MOVIMENTO SINDICAL DECIDE “OCUPAR BRASÍLIA”